• Giovanna Oliveira

Compilado 3 Perguntas: Mulheres Negras

Em artigo publicado no último dia 3 no Le Monde Diplomatique, a jornalista brasileira e editora-chefe do Notícia Preta Thais Bernardes (@thaiisbernardess) destacou a comoção seletiva da mídia e elite branca brasileira diante do genocídio da população negra. Alertando sobre a necessidade de voltar nossos olhos para dentro, Thais não diminui a gravidade dos acontecimentos nos Estados Unidos mas sim nos lembra que vivemos em um país onde a cada 23 minutos uma pessoa negra é assassinada, segundo a ONU. Estar fora dessa realidade não impede ninguém de lutar contra ela: informar-se e entender sobre o racismo que se instala de maneira intrínseca na sociedade para então destacar o indivíduo e suas ações é o ponto de partida. Isso, claro, lembrando de que a voz ouvida deve sempre ser a da pessoa negra.


Hoje trazemos um compilado do 3 Perguntas de mulheres incríveis que atuam em diversas áreas e que tivemos contato ao longo de nossa jornada.

3 Perguntas: Ana Bia Andrade, A Academia em Luta!

Ana Bia Andrade | Fonte: Acervo Pessoal

Os segundanistas do curso de Design da UNESP Bauru recebem, em Metodologia Científica, muito mais que um professor de ABNT qualquer. Ana Beatriz Pereira de Andrade, Ana Bia, leciona sua aula inaugural com o impacto de sua trajetória profissional enquanto Designer e suas experiências de vida como mulher negra, que vão desde a Marinha do Brasil, refletida em sua personalidade (capaz de mergulhar em uma indústria gráfica e dentro de um avião de cargas, tudo isso em uma madrugada, para garantir o pedido do cliente), até a Academia, da PUC Rio, à Estácio de Sá e, finalmente à UNESP Bauru.

Leia aqui.

3 Perguntas: Jacqueline Rodrigues - Representatividade Negra no Empreendedorismo

Jacqueline Rodrigues | Fonte: Acervo Pessoal

30 anos, bauruense, filha de Djairo Alves dos Santos, Andrea Aparecida Rodrigues e namorada do Luis Fernando, desde sua infância, Jacqueline Rodrigues dos Santos, sempre se destacou por ser uma criança muito destemida e corajosa.

"Em 2016, após prestar um concurso público, fui convocada pela Prefeitura Municipal de Bauru para assumir o cargo de agente de administração. Atualmente, trabalho na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Renda, nesses 3 anos de funcionalismo público tive a oportunidade de me capacitar, participar de programas de desenvolvimento profissional e pessoal, além de aprender muito todos os dias, pois é uma equipe muito engajada e especial. Capacitei-me como agente de desenvolvimento local e de atendimento pelo Sebrae e em Maio do ano passado recebi o convite para assumir o cargo de Diretora da Divisão de Fomento ao Empreendedorismo e Assuntos do Trabalho da Secretaria, onde além de dirigir programas e projetos voltadas ao fomento do empreendedorismo, empregabilidade, geração de emprego e renda, também lidero uma equipe de dez servidores.”

Leia aqui.

3 Perguntas: RPretas - A Comunicação na Redução das Desigualdades

RPretas no Festival Blogando 2019 | Fonte: Acervo Pessoal

"O RPretas nasceu da necessidade de retribuir para o movimento da cena local artística, cultural e militante, alguma coisa que fizesse a diferença dentro do que já é feito todos os dias. Nós, como crias do movimento Hip Hop, nos encaixamos no 5º elemento, que é conhecimento e temos o dom e a formação da comunicação e é através disso que traçamos a narrativa do coletivo.

O nosso objetivo principal é fazer com que os corpos negros e periféricos sejam vistos na mídia fora dos estereótipos traçados para este grupo como única identidade pertencente.""

Leia aqui.


Fontes citadas:


Racismo: a cada 23 minutos um jovem negro é assassinado no Brasil - Nações Unidas

#Blackouttuesday e a comoção seletiva da elite brasileira - Thais Bernardes

0 visualização
LOGO-LMbrnco.png

© 2020 LM&Co.

 

Bauru>

Bauru: R. Manoel Pereira Rolla 18-50

17012-190

São Paulo: R. Dr. Paulo Vieira, 374.

01257-000

CNPJ: 30.613.593/0001-22

(14)981969412

A entrega de produtos pode variar conforme disponibilidade e produção.

xkhgh.png